“Sofremos como pioneiros, mas valeu a pena”, diz fundador dos Vencedores por Cristo

Jaime Kemp, aos 77 anos, é fundador da Missão Vencedores por Cristo


"Sofremos como pioneiros, mas valeu a pena", diz fundador dos Vencedores por Cristo

O grupo Vencedores por Cristo se apresentou, no último domingo (7), na Igreja Presbiteriana da Gávea, localizada na cidade do Rio de Janeiro. Na ocasião a banda, que lançou em 2016 o EP Gratidão, apresentou sucessos em duas apresentações.

Em entrevista ao jornalista Jorge Antonio Barros, membro da igreja, o fundador do grupo, Jaime Kemp, falou sobre o legado do grupo na história da música cristã no país. A banda foi fundada em 1968 e, com várias formações, mantém uma obra extensa de discos.

“O Vencedores por Cristo mudou a face do louvor nas igrejas evangélicas brasileiras. Não que a gente não gostasse dos hinos tradicionais. Mas uma música autenticamente brasileira, contemporânea, foi um instrumento poderoso para a evangelização”, disse Kemp.

O ato vanguardista do grupo que, inclusive, ficou marcado pela independência fonográfica, também foi comentado por Jaime, que possui 77 anos de idade e cerca de cinco décadas à frente do projeto. “Sofremos como pioneiros, mas valeu a pena”, afirmou.

Apesar da certa distância atual com o mainstream evangélico, Ussayr Verotti, líder da Missão Vencedores por Cristo, não nega que a banda tentou aproximações maiores. “Nos anos 2000 tentamos entrar nas rádios, mas percebemos que nossa vocação não era comercial”.

O álbum Gratidão marca os atuais membros do conjunto, formado por Alexandre Abreu (vocal), Crislene Belatto (vocal), Elisângela Cordeiro (vocal), Fábio Cordeiro (contrabaixo), Matos Elias (teclados), Pedro Santos (bateria) e André Peloso (guitarra).

“Nosso compromisso principal é com um louvor a Deus, fruto de nossa experiência pessoal com Cristo”, afirmou o vocalista Alexandre Abreu, que participa de vários discos da banda há mais de dez anos, incluindo o ao vivo Sem Fronteiras (2007), lançado em CD e DVD.

O legado dos Vencedores por Cristo é visível desde já. Neste ano, o maior sucesso da banda, o álbum De Vento em Popa (1977), completa 40 anos de lançamento e foi considerado o maior álbum da música cristã nacional em lista do Super Gospel. Ano que vem, 2018, a banda completa 50 anos de carreira.




Deixe seu comentário!